Vídeos no Youtube quelhasgoncalves

Loading...

sábado, 7 de março de 2009

O mundo poderia ser melhor!?

Quem me dera ser aquilo que tu és! E, quem te dera ser aquilo que eu sou! Nesse sentido, talvez, fossemos; Mais sábios e menos ignorantes. Mais humildes e menos brutos. Mais amigo do teu amigo. E, e menos destruidor de ilusões. Se de facto pudéssemos juntar as nossas qualidades. O mundo iria viver melhor… Se eu soubesse o que tu sabes! E, tu soubesses o que eu sei! Nunca jamais; Descobríamos os nossos defeitos. Uma vez que não é possível! Podíamos ser mais unidos. E, a hipocrisia dava lugar a um bom senso. "Quelhas" autor povoense....

39 comentários:

Anónimo disse...

Bom.
Agradável de ler.

Anónimo disse...

Estava a ver que não terminavam o blogue.
Lindo.
Estou esperando pelas imagens!

Bárbara Gonçalves disse...

O livro no blogger está muito bonito!
Eu Bárbara Gonçalves, fez colaboração neste livro.
Colaborei antes, no “Inspiração do Compositor” com o mesmo texto na página numero 240!
Agora, foi repescado, para “O livro da criança” na página 97 do livro, e um desenho na página 96.
Gostei de ter participado, foi interessante.
Na altura que escrevi tinha 14 anos, agora tenho 17.
Não é fácil fazer um livro, é preciso ter inteligência! Tal como tu! :)
Beijinhos! Amo-te Pai!

AngelaErmelinda disse...

O Livro da criança está lindo.
Eu, Angela gonçalves participei neste livro.
Gostei muito de participar.
Muitos beijos pai, Autor Quelhas

http://friluso.no.sapo.pt/ disse...

Caro João

Parabéns pelo seu livro “O livro da criança”. Votos para que o sucesso não o largue.
É bom saber que há portugueses a marcar presença com as suas obras e feitos variados.
Isso é reconfortante saber que o português não está para morrer.

Abraço
Vicente Jorge - Jornalista

mfmonteiro@netcabo.pt disse...

Agradeço muito o seu amável convite, mas infelizmente não me vai ser possível estar presente. A conjugação das minhas ocupações profissionais, com a recente candidatura à Câmara Municipal de Lisboa, implica uma ocupação dos dias muito mais intensa. Creio que compreenderá esta minha resposta. Desejo-lhe os maiores êxitos e os votos de continuação no seu trabalho, Receba um abraço do, presidente da Nova Democracia.

"Prof. Dr. Manuel Monteiro, Presidente da Nova Democracia"

domingosferreira@portugalmail.com disse...

João Carlos Veloso Gonçalves, é um autor com um pseudónimo clássico familiar e artístico “Quelhas.” Na sua primeira obra literária intitulada “Inspiração do Compositor” já editada apresentou-nos diversas temáticas. Das quais referentes as problemáticas culturais e sociais, do nosso mundo actual em que vivemos. Nesta segunda obra literária intitulada “O Livro da Criança” o autor apresenta-nos novamente uma selectiva sequência de temas, e de, tempos remotos, dos quais alguns do seu conhecimento onde vem ao encontro da sua passagem pelo tempo.


Escritor/Artista Plástico, Domingos Ferreira

Ponta Delgada, Portugal disse...

Lindo! Quem disse que a utopia não poderia ser aplicada, deveria seguir os exemplos dos últimos dois versos que teve a gentileza de me enviar. Para o bem, tudo serve, tudo encaixa se, por bom senso, subtrairmos da união a hipocrisia. Obrigado. Que Deus o conserve.

FADISTA E COMPOSITOR - PROFESSOR, ALFREDO GAGO DA CÂMARA

j.campos@usz.ch disse...

Olá Sr. João Espero que tenha feito uma boa viagem de regresso a Portugal, fui pena que não nos voltamos a ver no Domingo, eu ainda cheguei a passar no Sporting entre as 14h e as 14h45m,mas fica para a próxima vez… Em primeiro muito obrigado pelo disponibilidade da sua parte, e por toda a atenção que dispôs, e pelos livros que me ofereceu, agora mesmo estou a ler - O Segredo, mas logo de seguida vou saltar para - Livro da Criança. Envio-lhe também os meus links pode dar uma vista de olhos quando tiver tempo. Também os meus parabéns pelos teus livros já publicados. Um abraço, escultor.

http://haskell.cs.yale.edu/keith/2006/jorge.html

Jorge Campos - Escultor/Artista plástico

NÍSIO MATOS disse...

COMESSO POR DISER K KEM TEM GOSTO PELA ESCRITA K NAO DESISTA. EU NAO GOSTO DE LER MAS TEM UM GRANDE APOIO MEU. PARABENS POR ESTE HI5 “olivrodacrianca@sapo.pt” ABRACO AO ESCRITOR.

NÍSIO MATOS

araujo@manuelaraujo.org disse...

O amigo respondeu retribuindo:

Olá caro amigo Quelhas
além de considerar que o Natal é a época do ano de maior hipocrisia e falsidade, onde, principalmente os ricos apenas dão algumas migalhas aos desgraçados, dos cada vez mais pobres, mas tem de ser à vista das televisões e da comunicação social em geral, pois não vá a "boa acção" destes beneméritos sazonais não ser registada e perder-se...
É pena que só durante este "espírito natalício" é que esta gente se lembra dos "mais desfavorecidos".
Durante o ano, esta gente cruza-se diariamente com os pobres e desfavorecidos que passam fome e muitos, vivem já na rua mesmo à sua frente mas eles não os vêem... porque não querem. Não é natal...
É como o meu amigo diz, "Natal é todos os dias se nós quisermos" e por isso, só espero que este sacrifício de aturar esta agressão de apelo ao consumo, que usa o Natal como pretexto acabe depressa.
Agradeço e retribuo os desejos de bom Natal, mas do Natal que eu conheci, hoje já nada resta, por isso, eu detesto este Natal.

http://www.cldz.ch/

Abraço, Manuel Araújo - Jornalista

Anónimo disse...

homenagem

Quelhas é o autor sobradelense, povoense, de sobradelo da goma, da póvoa de lanhoso, do minho, que mais livros vendeu em portugal e no estrangeiro…

maria.efigenia@avspe.eti.br disse...

Senhor, estou encantadíssima com sua poesia, estas quadras de natal, são lindíssimas, eu deseja muito editar, mas diante das leis, preciso do seu nome, por favor, me escreva seu nome, com admiração,

Efigênia Poetiza - Brasil

Jose Vale disse...

O livro e bom de ler, simples e com um portugues afável e comunicativo. os poemas, os temas de vida deste ou daquel, nao importa se na realidade ou fixão, importa o conteudo, esse sim, é louvado e das-nos a liberdade de o poder ler assim também em digital. Os teus livros, assim como os teus temas em jornais, fri-luso, Gazeta Lusófona e revista Lusitano de Zurique são um pouco de ti e das tuas inspiracões, por isso te chamam o inspirador, talvez inspirador de sonhos e de vida...

Jose Vale

ANGELA ERMELINDA, ESTUDANTE. disse...

Sei que és poeta, louco, inspirador de sonhos, o melhor, senão o pior! Para mim és um génio sem igual, em todo o Portugal. Por seres poeta romântico mereces o meu coração... tua filha Ângela,

ANGELA ERMELINDA, ESTUDANTE.

a_sa@gazetalusofona.ch disse...

É sempre um prazer conhecer pessoas que dão o melhor de si em prol do que acreditam.
A escrita é uma das artes mais nobres de comunicar.
O Quelhas é exímio em expressar o que sente.
A sua força é a de acreditar sempre.
Com a certeza da minha grande estima e amizade.

Adelino Sá - jornalista - Jornal Gazeta Lusófona

Zurique 08-12-2007

David Bastos disse...

É sempre bom conhecer novos pintores escultores e escritores
Foi muito bom estar presente numa apresentação como numa exposição na LusoLivro
Espero que tenham os maiores sucessos
Felicidades para todos vocês

David Bastos - visitante

Conceição Monteiro disse...

Gostei muito.
Foi um evento muito interessante, os quadros são muito lindos.
O livro terei que o ler, depois comentarei.
Muitas felicidades.

Conceição Monteiro - visitante

lusolivro@swissonline.ch disse...

Senhor João Carlos é com grande satisfação que divulgo ou tento divulgar as suas obras.
Espero e desejo que tudo lhe corra pelo melhor tanto na sua vida pessoal como na sua vida artística.
O seu contributo para a nossa cultura portuguesa é de louvar.
Força e quem sabe até uma próxima voz.

Carla da Silva – livraria LusoLivro

Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... disse...

Palavras para quê!?
Visite este espaço...

Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... disse...

Copiado em algures

Anónimo disse...

O caro Quelhas está em progressão.
Ele ainda não sabe o quanto está a ser conhecido por esse mundo fora.
Graças aos escritos que tem feito nos jornais.
Uma parte mais próxima, conhece o Quelhas pessoalmente, a outra parte conhece o Quelhas somente de nome.
Quando referimos que o Quelhas está a ser reconhecido, falamos nos jornais que tem páginas na internet visíveis para todo o mundo.
Esse olhar ainda não atingiu o limite, porque cada vez mais o Quelhas é reconhecido pelo sistema informático.
É certo que tudo se deve aos jornais e a escrita feita em papel, as escritas em papel, por sua vez ficam registadas nas páginas através das hiperligações.
O caro Quelhas não sabe, nós sabemos que ele não sabe, que, mais de um milhão de pessoas em todo mundo leram suas escritas.
Em maioria na Angola, Brasil e França e depois Suíça, seguindo-se Portugal.
Graças aos Jornal Fri-luso, e ao admirável, Jorge Vicente, que tem as páginas electrónicas sempre actualizadas.
Graças ao Lusitano de Zurique e ao jornalista Manuel Araújo, que tem sempre os seus endereços afiados como um relógio sobre a revista que gere na Net.
Graças ao jornal Gazeta Lusófona que, através do seu director Adelino Sá, deu a conhecer o "Quelhas", porque foi reconhecido por ele, e muito antes de ele ir para a Suíça, deu-lhe a oportunidade de se lançar, daí em diante sempre escreveu em papel, e apareceu muito nos Links electrónicos.
Mas Quelhas não imagina que, os blogues e Hi5 que tem e participa, são lidos e revistos por muita gente nas Hiperligações da internet.
O caro Quelhas expõe muito os seus trabalhos, quem sabe se alguns habilidosos não se servem disso para tirar aproveito!
Dizemos ao caro Quelhas que, quando lançar novo livro, pense muito bem, encoste-se a uma boa editora, poderá vender milhares de livros num ápice.
Esta observação foi feita por várias pessoas, algumas conhecidas do Quelhas, nenhuma das quais falamos, mas que, alguns de nós também conhecemos.
Este grupo de amigos, espalhados por aí além, quiseram saber e conhecer melhor o Quelhas.
Por esse motivo, pesquisaram sobre ele, e chegaram à estranha conclusão que este escritor nato, sendo ainda pequeno em vendas, é conhecido e reconhecido, mais que aqueles que ajudaram a crescer o seu nome através de jornais.
Neste grupo, nem todos conhecem o Quelhas pessoalmente, conhecem das várias situações que frisamos anteriormente.
Desejamos boa sorte para a tua literatura.

4 de Agosto de 2009 16:04

Faz-te amigo e seguidor disse...

Links e Parcerias pela Promoção, Markting, com Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, histórias com histórias...

http://alisenao.blogspot.com/
http://araujo.wordpress.com/
http://inovalar.blogspot.com/
http://www.portugalmusica.com.pt/
http://olivrodacrianca.blogspot.com/
http://inspiracaodoautor.blogspot.com/
http://autodidactajorgecampos.blogspot.com/
http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/
http://sportingclubedebragadezurique.blogspot.com/

Faz-te amigo e seguidor destes blogues para estares à altura e divulgares melhor a nossa terra linda por Ex., Todos eles internacionais...

Esperamos por ti.

Saramago vs Quelhas - marketing disse...

Quelhas é o autor mais criticado da actualidade na sua terra Natal.
O tema da história da Maria da Fonte, sobre os autores que escreveram sobre ele, é uma dor de cabeça para aqueles que escreveram sobre a heroína.
Até os autores mortos se vão levantar do túmulo!
O autor povoense, Quelhas, relata a história da Maria da Fonte, como José Saramago relata Deus no livro de Caim.
Diz o autor que fez marketing com o próprio titulo, ao referir que as Marias poderiam ser do fontanário e não da fonte…
Fará alguma diferença para a história final, ter (fonte ou não ter fonte” e ter fontanário?
Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias, é o livro polémico à vista de muita gente da região.
Carlos Quelhas, natural de Sobradelo da Goma com residência na sede do Concelho da Póvoa de Lanhoso, actualmente a morar na cidade de Zürich na Suíça, tem vindo a dar nas vistas um pouco por todo o lado.
Deve-se a toda esta luta, a confiança que o autor deposita nele mesmo, não ligando a críticas destrutivas, mas sim criativas.
Quelhas, João Carlos Veloso Gonçalves é igual a ele mesmo, igual a si próprio, tem a capacidade de vencer sempre sem quebrar barreiras.
Há quem diga que o autor é criticado pelos seus mais directos colegas das letras, por se verem ultrapassados por este poeta, crítico e jornalista, pelo facto de ter uma escrita moderna e única sem imitações.
O escritor nato minhoto, já colaborou directamente em cinco jornais, em três deles ainda participa com crónicas mensais, com um ou mais textos de opinião, crítica, entrevista e notícias.

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! disse...

Olá.
Caro Armando, caríssimos povoenses e Blogueiros assíduos deste espaço.
Venho por este termo despedir-me do Blogue Castelo de Lanhoso.
Quero dar os parabéns ao senhor Armando, pelo espaço que contribuiu para divulgação, apoio, discordância, maldizeres e gozo sobre tudo, aos seus amáveis e inimigos colaboradores.
Quero dizer, que nem sempre tive de acordo com o senhor Armando.
Defendi sempre a tese de que, este ou qualquer outro espaço, deveria de ser educativo e de bom trato, sem ofensas.
O que mais me arreliava, era, quando algum anónimo atacava ferozmente, "caso de polícia" e não tinha coragem de dar a cara e o senhor Armando publicava!
Pois também beneficiei bastante deste espaço, dei a conhecer os meus blogues, três deles de livros "literatura", dois deles, não sendo meus, sou eu que os dirijo com apoio dos intervenientes, estes ligados a "cultura", e, por fim o Blogue internacional, "Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor!". http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/
Esteve sempre atento a tudo e todos, embora longe, senti-me sempre perto, vou ter saudades dos comentários que me faziam rir e dos palhaços que me atacavam.
Não sou e não foi diferente de ninguém, comentei “enes” de vezes com nome artístico, pessoal, anónimo e com nome de meus Blogues.
Foi atacado apenas quando assinava “Quelhas”, de resto ninguém se atreveu a faze-lo, porquê? Dor de cotovelo ou apenas para tirarem partido, caso de desviarem atenções a outras questões! Talvez alguns para me derrotarem…
A isso não me importa, por isso continuo com meu Blogue livre, podem, isto se quiserem, aproveitar este espaço público, convido a todos em geral.

Castelo: PARABÉNS SR. ARMANDO
Castelo de areia: ANÓNIMOS MAL-DIZENTES

Aproveito para me despedir, então, com uma chamada de atenção:

Links e Parcerias pela Promoção, Markting, com Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, histórias com histórias...

http://alisenao.blogspot.com/
http://araujo.wordpress.com/
http://inovalar.blogspot.com/
http://www.portugalmusica.com.pt/
http://olivrodacrianca.blogspot.com/
http://inspiracaodoautor.blogspot.com/
http://autodidactajorgecampos.blogspot.com/
http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/
http://sportingclubedebragadezurique.blogspot.com/

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! disse...

Vote na sondagem sobre os livros da Maria da Fonte?


Camilo Castelo Branco, Maria da Fonte, IAG – Artes Gráficas, LD.A Lisboa, 1886

Paixão Bastos, Maria Luíza Balaio ou A Maria da Fonte, Edição Tip. Moderna, LDA. Lisboa, 1945

Joaquim Palminha Silva, A Revolução da Maria da Fonte, Subsídios para a sua História e interpretação, Edições Afrontamento, Porto, 1978

António Feliciano de Castilho, Crónica Certa e Muito Verdadeira de Maria da Fonte, A regra do jogo Edições, LDA., Lisboa, 1984

DINO de Sousa, A revolução da Maria da Fonte: Banda desenhada, de Domingos Silva, Compolito, Edição C.M. Póvoa de Lanhoso, 1996

João Tinoco de Faria, Luísa Balaio ou A Maria da Fonte, Edição, Câmara Municipal Póvoa Lanhoso, 1996

Azevedo Coutinho, História da revolução da Maria da Fonte, Editorial Ave Rara, Póvoa de Lanhoso, 1997

José Abílio Coelho, Maria Luísa Balaio ou A Maria da Fonte, Editora Ave Rara, Póvoa de Lanhoso, 2004

Ana Sofia Pinto, O mistério da Maria da Fonte, Edições Sílabo, LDA, Lisboa, 2007

“QUELHAS”, GONCALVES João Carlos Veloso, A21>> Blog Archive >> Maria da Fonte – hino esquecido, 2008 - Blogger “Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias...” Edições 1/7, jornal, Gazeta Lusófona, 2008/2009 - Edições, jornal, Fri-luso 2008/2009

Outros livros ou apontamentos sobre a Heroína Maria da Fonte?

Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... disse...

Links e Parcerias pela Promoção, Marketing, com Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, histórias com histórias...


Apelo à união entre Blogues, alguns já estão associados de uma forma ou de outra a Blogues do autor.
Aqueles que ainda não fazem parte do Blogue da Maria da Fonte, e fazem parte de outros Blogues do autor, peço que, façam parte de uma grande família de Blogues.
Todos aqueles que aderirem, até ao fim de Janeiro 2010, a este projecto, serão constantemente publicitados, aqueles que o não fizerem, serão retirados de Marketing.
Espero por vocês todos



http://www.cldz.ch/
http://friluso.no.sapo.pt/
http://www.lanhosotv.com/
http://araujo.wordpress.com/
http://alisenao.blogspot.com/
http://inovalar.blogspot.com/
http://www.mun-planhoso.pt/
http://www.gazetalusofona.ch/
http://saojoaorei.blogspot.com/
http://ouvistodizer.blogspot.com/
http://casadasagras.blogs.sapo.pt/
http://www.portugalmusica.com.pt/
http://olivrodacrianca.blogspot.com/
http://doisdosvarridos.blogspot.com/
http://forumpovoense.blogspot.com/
http://laranjalpovoense.blogspot.com/
http://inspiracaodoautor.blogspot.com/
http://jornalmariadafonte.blogspot.com/
http://povoadelanhosonet.blogspot.com/
http://quelhasartigospublicos.blogspot.com/
http://povoadelanhosomelhor.blogspot.com/
http://avantepovoadelanhoso.blogspot.com/
http://jn.sapo.pt/blogs/quelhas/default.aspx/
http://pvliticamenteincorrecto.blogspot.com/
http://autodidactajorgecampos.blogspot.com/
http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/
http://sportingclubedebragadezurique.blogspot.com/

autor "Quelhas" artigos públicos disse...

Feliz ano novo a todos...

Este ano quero paz no meu coração
Quem quiser ter um amigo
Que me dê a mão

O tempo passa
E com ele caminhamos todos juntos
Sem parar

Nossos passos pelo chão
Vão Ficar

Marcas do que se foi
Sonhos que vamos ter
Como todo dia nasce
Novo em cada amanhecer

Marcas do que se foi
Sonhos que vamos ter
Como todo dia nasce
Novo em cada amanhecer

Este ano quero paz no meu coração
Quem quiser ter um amigo
Que me dê a mão

O tempo passa
E com ele caminhamos todos juntos
Sem parar

Nosso passos pelo chão
Vão ficar

Marcas do que se foi
Sonhos que vamos ter
Como todo dia nasce
Novo em cada amanhecer.

Edição de imagens e video: Edinizia Holanda

Efigênia Coutinho disse...

O mundo poderia ser melhor!? Quem me dera ser aquilo que tu és! E, quem te dera ser aquilo que eu sou! Nesse sentido, talvez, fossemos; Mais sábios e menos ignorantes, Mais humildes e menos brutos, Mais amigo do teu amigo, E, e menos destruidor de ilusões. Se de facto pudéssemos juntar as nossas qualidades, O mundo iria viver melhor… Se eu soubesse o que tu sabes! E, tu soubesses o que eu sei! Nunca jamais; Descobríamos os nossos defeitos. Uma vez que não é possível! Podíamos ser mais unidos, E, a hipocrisia dava lugar a um bom senso. "Quelhas" autor povoense....

SÓ PARA LER ESTE TEXTO, VALEU TODA A NOITE DE HOJE, MEUS CUMPRIMENTOS PELA POSTAGEM, SEREI SIM, UMA SEGUIDORA DESTE ESPAÇO MARAVILHOSO,
Efigênia Coutinho

Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... disse...

boa noite amiga, consoante o tempo, a hora e o local onde se encontra.
tenho pena de estarmos distantes, para a poder conhecer pessoalmente.
quero lhe agradecer pelas palavras que me deixou no Blogue de "O livro da criança" gerido pela minha filha, que também colaborou nele.
fique bem e aceite um abraço do autor Quelhas

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! disse...

No Blogger desde Março de 2009... 10 Seguidores... Estamos na Lista de Blogues de muitos amigos no país e no estrangeiro... 130 Posts Publicadas em 2009 sob notícia e cultura... 2.260 Mensagens Publicadas em 2009 por visitantes... Estamos gratos pelo sucesso que fizeram atingir ao Blogue da Póvoa de Lanhoso e, torna-lo cada vez mais internacional e cultural, esperamos sempre por si...



MENSAGEM: Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! espaço cultural, convidados de honra, comente...

Comenta no sentido, que, o sentido te dita! És livre, livre de voar como passarinhos ao vento. Comenta, vais ver que, te cultivas. As tuas opiniões não são válidas se as não puseres em prática. Comenta no bom sentido... "Quelhas" está a projectar autores/artistas. Envia a tua Biografia. Faça parte desta grande família culturalmente. Os participantes chegam lentamente e, por ordem irão entrar para a história deste Blogue internacional da Póvoa de Lanhoso, Minho, Portugal e do Mundo...


Desejo saúde e paz que, o dinheiro vem por acrescimo...

Quelhas autor do Mundo, porque o Mundo gira à minha volta...

noticias disse...

McCann Unravels. "Los MCcánn nó són víctimas són verdúgos"

"ENCUBRIENDO EL MALTRATO INFANTIL ABUSOS SEXUALES Y ASESINATO en primer grado" "UN SPSICÓPATA"
Gerry MCcann es pederásta y no le ímporta que sea niño o niña lo que les interesan a los pederastas es su infáncia. LA JUSTICIA CUMPLE SE REHABRE EL CASO . SOS: EL RESCATE, DE MADELEINE (MCCANN) LA NIÑA “INGLESA” RAPTADA EN (PORTUGAL)
"AQUI HAY TONGO"
Madeleine MCcann el gobierno portugues y ministro de justicia mas fiscal y el juez toman una alternativa para los "Mccann" no hay cadaver no hay juicio.El juicio de "Marta Del Castillo" no hay cadaver pero se hace justicia......................
Madeleine MCcann En la primera anestesia la niña se despertó cuando se encontró al padre abusando de ella fue golpeada salvajemente por el propio padre al darse cuenta que no era bien recibido y volvió a ser anestesiada de hay la sangre de la niña de los golpes recibidos recordando en todo momento que estaba bajo los efectos del alcohol de hay el ataque cardíaco. Cadena perpetua para Un Pederasta y pedofilo Fueron los padres los asesinos mas torturaban a la niña. Los McCann y sus siete amigos cenaban cada noche durante sus vacaciones en Portugal, incluida aquélla en la que desapareció Madeleine, aseguraron que éstos bebían entre 10 y 12 botellas de vino, a las que precedían cervezas y cócteles durante el aperitivo mas lo que tomaban durante las comidas . kate y Gerri de profesión médicos anestesiaban a Madeleine puesto que lloraba 18 horas al día con mucha regularidad porque tenían en casa a su maltratador era ese el motivo de su llanto y se combirtio en un suplicio o martirio para el matrimonio causa del asesinato premeditado en primer grado aquí no podía haber ningún accidente por exceso de anestesia puesto que los dos son médicos .Estos asesinaron a su hija con premeditación .Los Mccann tenían deudas de tres mensualidades de su hipoteca de tres mil euros mensuales y las cuentas al rojo y se tomaron unas vacaciones veraniegas mas 40 días sin pagar nada por sentirse el director del hotel responsable de la desaparición de Madeleine total unas vacaciones a lo grande y todo a costas del asesinato premeditado en primer grado. No hay ningún retrato robot que valga basta, basta, de tanta comedia la falsa del retrato robot inventado por Remenber de Rokley portavoz del gobierno Británico y periodista que costo un millón y medio de Euros que tubieron que pagarles los Mccann por limpiar el nombre. La verdad de Madeleine MCcann pinchar en parte superior "Noticias"
Número de Pedido: 200912004686
Estado: Aberto
Data: 29 Dez 09 20:48
Assunto: [Abuse] > [Portal SAPO] > [Notícias]
Nome: levante.111
Email: levante.111@gmail.com
Prioridade: Informação
Operador
DIRÉ PARA MI PESAR QUE BÚSCO DE ÉSTE MÚNDO LA HÓNRADEZ Y DIRÉ QUE ÉSTE COMUNICÁDO ESTÁ YÁ EN PUBLICACIÓN DE MÁS DE 800 BLOGG DISTRIBUIDO POR LA CIUDAD DE ALGÁRVE Y PORTUAL ES DE HÓNRADEZ LO QUE ESTOY PUBLICÁNDO CON EL BLÓGG MÁS ANTÍGUOS QUE HOS MANDÉ EN SU TIEMPO MUCHAS GENTES SE QUEDARÓN EN PÁRO EN ALGARVE Y PERDIDAS DE TURÍSMOS POR CÚLPA DE LOS MCCANNES ARROGÁNTES PREPOTENTES GENTÚZAS SÍN ESCRÚPULOS AMBICÍOSOS PEDERÁSTA Y ASESÍNO CASO MADELEINE MCCÁNN...SÍ MADELEINE MCCANN ESTÁ VIVA PERO EN NUESTROS CORAZÓNES.PORTUGÁL TERRA DE TRABALLADORES Y EMIGRÁNTES QUE SÓN LOS QUE LA HÁN LEVÁNTADO.Cuando se descubra la verdad se recuperara el turismo y la alegria de algarve recuperacion de empleos y la normalidad con el mundo.Esta la reputacion de portugal en jaque. "El último gríto de Madeléine MCcánn"
En vez de misterio tuvo mas de circo y todo para tapar un asesinato que un niño no lo pasaria
desapercibido lo demas de risa por no llorar
Los MCcánn sabén esta publicación.

gracias por el buen recibimiento al creador/a de este magnifico blog y a sus visitantes que tengan un gran año llenos de abundáncias

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! disse...

Rosas para o meu amor
Rosas vermelhas, amarelas e cor-de-rosa
Dentro de teu esplendor
Com muito amor
E muita saudade
E muito carinho...
Rosas vermelhas, amarelas e pretas
Para tua alma
Já que o coração não bate
Bate minha pulsação por ti
Pela falte que senti...

Para todos que gostavam de Rosa Lobato de Faria, que, a ela já não dão interesse mais Rosas!

Quelhas

Domingos Ferreira - Poeta e artista digital em técnica de Robótica disse...

Quelhas problemático
Assim és conhecido
Por seres tão pratico
No tocar, no tema esquecido

Quelhas conflituoso
Como dizem as noticias
Na verdade, não és mentiroso
Só que não falas com carícias

O Quelhas escreve
Aquilo que lhe é breve
Que lhe sai, do olhar ao pensamento
Ainda que possa ferir, outro sentimento


Domingos Manuel Sousa Ferreira

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! disse...

Olé...

Mais uma vez venho entrar pelo vosso COMPUTER dentro.
Já vamos na 6 Personagem de Honra a Convite de Quelhas

1 Efigênia Coutinho - Poetiza
2 Jorge Campos – Escultor/Artista Plástico
3 Chico Bento – Poeta/Compositor
4 Domingos Ferreira - Poeta/Arte Robótico
5 Alfredo Gago da Câmara – Músico/Fadista/Compositor
6 Ana Sofia Pinto – Professora/Escritora/Historiadora

Segue-se: Alexandre Cardoso – Pintor Sob Arte do Vitral

Apelo a uma boa relação entre CELEBRITIES e BLOGGER’S
Comentem-se uns aos outros, conheçam-se melhor pela cultura que, vai um pouco mal!

Jornais: Fri-luso
1 Chico Bento – Poeta/Compositor
2 Efigênia Coutinho - Poetiza
3 Domingos Ferreira - Poeta/Arte Robótico

Jornais: Gazeta Lusófona
1 Jorge Campos – Escultor/Artista Plástico
2 Domingos Ferreira - Poeta/Arte Robótico

Seguiram-se os restantes Personagens

Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor! disse...

Entre a vida e a morte...

- PAI-NOSSO QUE ESTAIS NO CÉU;

Rezava o velho, na cama do hospital, Gelado, com um ar triste e cansado...

- SANTIFICADO SEJA O VOSSO NOME;

O soro frio corria-lhe nas veias e nas artérias, gota-a-gota horas a fio...

- VENHA A NÓS O VOSSO REINO;

Chega o médico, vê o estado do doente com fragilidade, manda um ajudante levá-lo a fazer exames e análises...

- SEJA FEITA A VOSSA VONTADE;

O homem regressou à sua hospitalidade, ainda mais tenso e com falta de ar, mas continuava a rezar...

- ASSIM NA TERRA COMO NO CÉU;

Assiste-o o enfermeiro, que de imediato lhe dá uma pica no braço
e o põe a fazer uma transfusão de sangue...

- O PÃO-NOSSO DE CADA DIA NOS DÁ HOJE;

O sangue frio corria-lhe nas veias e nas artérias, gota-a-gota horas a fio...

- PORDOAI AS NOSSAS OFENSAS;

O doente estava com anemia, a tensão estava baixa, não lhe doía nada, mas estava muito cansado e confuso...

- A QUEM NOS TEM OFENDIDO;

Depois de tantas horas, o velho não reagia, seu coração estava cansado, a família estava à espera do pior...

- NÃO DEIXEIS CAIR EM TENTAÇÃO;

Chegou o padre para o confessar, rezava cada vez mais baixinho,
só num mexer de lábios...

- MAS LIVRAI-NOS DO MAL;

Estas horas de aflição rezou com medo da morte, e rezou pela vida toda, por antes nunca ter tempo de rezar...

- ÁMEM;

E sucumbiu...

Baseado no sofrimento do fim da vida...

O Crítico tem autonomia de censurar!

pág. 0163
http://inspiracaodoautor.blogspot.com/

Terra das (Marias) da Fonte ou fontanário, história com histórias... disse...

Tango ou tanga

Vou caminhar nesse tango!
Quando?
Vou aprender a dançar,
Ainda não sei caminhar...

Tango leve e suave,
Transborda amizade,
Lestreza,
E vaidade...

Dois corpos se unem,
E deixam-se apaixonar,
Às vezes confundem,
O tango que estão a embalar...

autor Quelhas

Efigênia Coutinho disse...

Gosto de retornar neste espaço , onde me sinto leve dentro das palavras aqui proferidas por você Quelhas. O Livro da cirnça, sempre será um momento renovado, com admiração e saudosa,
Efigênia Coutinho

Anónimo disse...

Oi foi a 2ª vez que encontrei o teu espaço online e adorei tanto!Bom Projecto!
Até à próxima